fbpx
  • LOGIN
  • Nenhum produto no carrinho.

RADIAÇÃO IONIZANTE E O CIGARRO

Nos dias de hoje não restam dúvidas de que o cigarro faz mal a saúde, e que substâncias como tabaco, nicotina, alcatrão são tóxicas,   porém poucas pessoas sabem que o tabaco contém substâncias radioativas como o Polônio-210 e o Chumbo-210.

O Polônio 210 tem meia-vida de 138 dias e decai emitindo partícula alfa que carrega grande quantidade de energia, podendo danificar o material genético no interior das células.

Essas substâncias radioativas são encontradas naturalmente no solo, mas também são encontradas nos fertilizantes que os fazendeiros  usam nas plantações de tabaco.

As altas doses de radiação   relacionadas  ao tabaco que  crescem em solos com alta concentração de  Po-210 e Pb-210, como em alguns países como o Brasil e Zimbábue.

Quando um fumante acende um cigarro e inala sua fumaça, as substâncias tóxicas e radioativas do cigarro entram no pulmão, onde pode imediatamente  danificar células e tecidos,  até mesmo de pessoas que estão próximas e inalam também a fumaça.

Os fumantes são vítimas do fato de que o alcatrão é pegajoso, e estes radioisótopos se fixam no alcatrão  que é inalado pelo fumante, e tendem a se fixar na superfície interna do pulmão, onde há mais alcatrão para eles se fixarem.

Na literatura as doses variam de 0,05 Sv (Sievert) até vários  Sieverts para os pulmões, por exemplo um indivíduo que fuma cerca de 1 maço por dia durante 25 anos pode chegar a doses entre 40 a 400 mSv/ano nos pulmões.

A exposição adicional a radiação pelos pulmões dos fumantes causa o câncer de pulmão, isto é claramente observado em fumantes que trabalham em  minas de urânio, pois respiram um ar rico em Radônio-222.  Esses trabalhadores tem um risco maior de desenvolver câncer de pulmão do  que aqueles não fumantes. A combinação do alcatrão, nicotina e exposição a radiação tem consequências  negativas.

Infelizmente os fumantes encontram o pior de todos os mundos, combinando os efeitos negativos das substâncias químicas do cigarro com as propriedades de indução do câncer pela radiação ionizante de certos isótopos que são encontrados na folha do tabaco.

Referencia: Claus Grupen, Mark Rodgers (auth.)-Radioactivity and Radiation_ What They Are, What They Do, and How to Harness Them-Springer International Publishing (2016)

https://www.cdc.gov/nceh/radiation/smoking.htm

0 responses on "RADIAÇÃO IONIZANTE E O CIGARRO"

Leave a Message

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X